Escola Virtual para Pais! E será que precisamos de escola para aprendermos a educar nossos filhos?

23 de dezembro de 2010 § Deixe um comentário

Aprendemos a ser mães através das experiências que são passadas por nossas mães, avós, tias, amigas, vizinhas;  já os pais aprendem mais através de vivências como filhos. Na maioria das vezes, fazemos determinadas coisas sem nem questionarmos muito – quem nunca colocou um papelzinho na testa da criança para parar um soluço nem que seja somente para respeitar uma sugestão das avós?  Ou seja, agimos ainda muito baseados em intuições, superstições, experiências, sugestões…

Acontece que com a evolução da ciência e da tecnologia não precisamos ficar restritos ao senso comum. A ciência tem um papel fundamental ao nos explicar o porquê de muitas coisas; a ciência nos dá caminhos possíveis para a entendermos uma série de situações que vivenciamos e nos ajuda a decidirmos sobre os melhores caminhos, dentre os possíveis. Vou dar um exemplo: antigamente uma criança que não aprendia era rotulada como tendo a “cabeça fraca” para o estudo. Hoje, com o avanço da neurologia, psicologia, fonoaudiologia, pedagogia… sabemos que essa criança pode ter algum tipo de distúrbio que quando  identificado pode ser cuidado adequadamente. Ela pode ter uma dislexia… Dessa forma, se a criança tem dificuldades de aprendizagem, a família entendendo melhor o que se passa com ela, poderá minimizar em muito os problemas do cotidiano e os prejuízos para o futuro dessa criança.

Em uma pesquisa realizadas pela Universidade Federal de São Carlos* os autores citam que a exposição das crianças às práticas parentais inadequadas ou a baixo envolvimento familiar são fatores de risco para o desenvolvimento infantil, aumentando a vulnerabilidade a eventos ameaçadores (práticas delinqüentes, uso de drogas) externos ao ambiente familiar.

No entanto, os pais que proporcionam um ambiente familiar que é capaz de acolher e que proporcionam contextos favoráveis para o desenvolvimento dos filhos criam fatores de proteção diante de eventos ameaçadores a que usualmente as crianças estão expostas.

Frente à tanta responsabilidade, não tem como ficar só no senso comum, na intuição, se podemos agir de uma forma mais planejada e consciente.

Sempre que penso nisso lembro de uma frase vencedora de um congresso no Brasil sobre Vida Sustentável:

“Todos pensamos em deixar um planeta melhor para nossos filhos… Quando nos ocorrerá de pensar em deixar filhos melhores para o futuro do nosso planeta?”

Mas para deixarmos filhos melhores, o investimento começa em nós mesmos pais e mães – na família da criança, seja que a família que for, que seja a melhor família ser oferecida.

Invista em sua família, pois ela é seu bem mais precioso!

 

_______________________________

* http://www.scielo.br/pdf/pe/v11n1/v11n1a09.pdf

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Escola Virtual para Pais! E será que precisamos de escola para aprendermos a educar nossos filhos? no escolavirtualparapais.

Meta

%d blogueiros gostam disto: